terça-feira, 12 de março de 2013

Tráz

que tanto falas a um desatento coração que diante de ti, se cala?
esconde
no sonho me dá asas, o teu amor
vira e meche tráz alguma recordação de ainda sentir.

2 comentários:

Helena Castelli disse...

Grata por seu carinho descrito em palavras...

Beijos de boa tarde.

Eduardo Marculino disse...

PARABÉNS PELA QUALIDADE DAS POSTAGENS DO BLOG...
ABRAÇOS